• CNA - Inglês Definitivo

Como saber se estou pronto para o intercâmbio para aprender inglês?

Atualizado: Jan 28

"É um negócio perigoso, Frodo, sair porta afora. Você pisa na estrada, e, se não controlar seus pés, não há como saber até onde você pode ser levado"




A frase, da célebre trilogia O Senhor dos Anéis, escrita por J.R.R.Tolkien, resume bem o sentimento de quem deseja se aventurar e fazer o tão sonhado intercâmbio. É preciso pensar muito bem se está pronto para essa experiência e saber tudo o que o aguarda antes de sair porta afora.

Para saber se você está realmente pronto e o que você precisa para fazer intercâmbio, reunimos algumas informações para ajudar a tomar essa decisão. Tente se imaginar em cada uma das situações que apresentamos e como se sente em relação a elas.

1. Viajar não é o mesmo que fazer intercâmbio

Muita gente confunde a experiência de uma viagem de férias com a de um intercâmbio. Ambas são completamente diferentes e você tem que estar ciente disso. Uma viagem de férias é mais curta e pode ser feita junto com a família e amigos. Porém, o intercâmbio é uma experiência “solo”. Você ficará até alguns meses longe da família, dos amigos e do seu país. Você consegue lidar com a saudade?

2. Lidar com as diferenças

Quando saímos do nosso país de origem, precisamos ter consciência de que os costumes e a cultura mudam de lugar para lugar. Portanto, se você é uma pessoa que não se dá muito bem com o que é diferente do que você está acostumado, talvez seja melhor repensar a ideia e postergar um pouco a sua ida.

É que quando você faz um intercâmbio, você provavelmente vai conhecer pessoas de várias partes do mundo, o que significa estar exposto a hábitos e culturas diferentes. É preciso se livrar de preconceitos e se abrir ao novo para não se sentir isolado, desrespeitado e até mesmo irritado ao conviver com as diferenças.

3. Estar disposto a se virar sozinho

É impossível nascer sabendo se virar sozinho - e tudo bem você nunca ter passado por isso antes do intercâmbio. O importante aqui é estar disposto a acumular responsabilidades, lidar com o medo de estar só e, principalmente, ter flexibilidade para resolver imprevistos sem surtar.

4. Dedicar-se aos estudos

Apesar de prever algum tempo livre para a diversão, o objetivo do intercâmbio para melhorar o inglês é estudar e mergulhar na nova cultura. Tenha em mente de que dedicação e prática constante do idioma são fundamentais para um ganho verdadeiro. Evite se dispersar com muitas festas e lazer para não desperdiçar a chance de absorver o conteúdo das aulas e as novidades da sua vivência.

5. Escolher bem o país em que vai estudar

Uma coisa é viajar para um país em que você vai passar alguns dias. Outra, muito diferente, é morar e estudar lá. Imagine escolher um destino e não se adaptar aos costumes, à comida, ao clima e às pessoas? Por isso, pesquise muito bem todos esses aspectos antes de se decidir se baseando apenas na beleza e nas atrações do lugar. Converse com pessoas que já fizeram intercâmbio nessa cidade que está considerando ir e faça uma lista de prós e contras.

Se você conseguiu se imaginar em todas as situações acima e pensa que vai lidar bem com elas, há grandes chances de você estar pronto para o tão sonhado intercâmbio. Caso ainda esteja inseguro para dar os primeiros passos para fazer intercâmbio ou queira conhecer mais sobre os países para estudar inglês, fale com o nosso parceiro BIL Intercâmbios, a empresa que vai ajudar você a planejar a experiência da sua vida.


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo